Página inicialEscolha VerdeBASF e o “Jeito E” de chamar a atenção para produtos da linha sustentabilidade

BASF e o “Jeito E” de chamar a atenção para produtos da linha sustentabilidade

Vídeo BASF
Conceito e prática. A BASF lançou agora em setembro um novo projeto de divulgação dos produtos da linha sustentável da empresa. Trata-se de uma série com quatro vídeos que buscam destacar a convivência harmônica entre indústria e meio ambiente, com resultados positivos nos negócios e na vida das pessoas. No filme de estreia, o protagonismo é do ecovio®, um plástico compostável exclusivo da BASF, e que é usado na produção de sacos, sacolas e copos.  Uma chef de cozinha, Mari Sciotti do restaurante Quincho em São Paulo, e o engenheiro de materiais João Carlos de Godoy Moreira, presidente da Oeko, empresa de soluções de reuso, reciclagem e compostagem de resíduos sólidos foram convidados a partilhar experiências dentro do conceito “Jeito E”, que é definido como o jeito BASF de enxergar o futuro e colocar a sustentabilidade em prática.

No material de divulgação da iniciativa a diretora de Relações Institucionais e Sustentabilidade da BASF, Cristiana Brito, destaca que a estratégia da visibilidade para a cadeia produtiva. “As soluções BASF conseguem impactar de maneira positiva um ciclo que pode começar no campo e terminar na sua mesa, por exemplo”. Os próximos filmes vão mostrar diferentes produtos da empresa como o óleo de palma certificado, presente em cosméticos e alimentos, as ações de eficiência energética e o reflorestamento no Complexo Industrial de Guaratinguetá, São Paulo. Você pode saber mais sobre o “Jeito E” neste link.
O Grupo BASF conta com aproximadamente 115 mil colaboradores em quase todos os setores e países do mundo. O portfólio é organizado em 5 segmentos: Químicos, Produtos de Performance, Materiais e Soluções Funcionais, Soluções para Agricultura e Óleo e Gás. No ano passado a BASF registrou vendas de € 64,5 bilhões. Já as ações do Grupo são comercializadas nas bolsas de Frankfurt (BAS), Londres (BFA) e Zurich (BAS).
Sem comentários